Geral

Prefeitura de Niterói promove curso de primeiros socorros para Agentes Comunitários de Saúde

Foto: Bruno Eduardo Alves

Dividido em duas etapas, 90 profissionais participaram da primeira etapa do treinamento, que é realizado pelo Samu

Nesta segunda-feira (24), a Prefeitura de Niterói promoveu o primeiro dia de treinamento prático de primeiros socorros para os agentes comunitários de Saúde das unidades do Programa Médico de Família (PMF). Realizada pela Secretaria Municipal de Saúde, por meio do Serviço Móvel de Urgência (Samu), a capacitação aconteceu na Cidade da Ordem Pública, em duas turmas, uma no período da manhã e outra à tarde. O curso contou com a presença de 90 profissionais. Dividido em duas etapas, o treinamento será finalizado na próxima sexta (28) e faz parte do Programa Saúde com Agente, do Ministério da Saúde, que visa a formação de profissionais técnicos em agente comunitário de Saúde.

Foto: Bruno Eduardo Alves

A secretária municipal de Saúde, Anamaria Schneider, considera as ações de educação fundamentais para os profissionais das unidades da rede. “É muito importante realizar ações de treinamentos para os profissionais de saúde do município. Os agentes comunitários de saúde exercem um importante papel na saúde da família e ter noções de primeiros socorros, como neste treinamento, é fundamental para o atendimento à população”, explica a secretária.

Segundo Sophia Rosa, gerente de ensino e produção do conhecimento da Fundação Estatal de Saúde de Niterói (FeSaúde) – responsável pela gestão do PMF, a fundação estabeleceu parceria com o setor de Educação Continuada do Samu de Niterói para a realização prática da formação.

“Na primeira etapa, 90 agentes comunitários participantes do Curso Técnico serão contemplados, divididos em quatro turmas. Posteriormente, todos os demais ACS também terão acesso a essa formação”, detalha a gerente, que ainda completa: “Os agentes comunitários desempenham um papel fundamental na orientação dos pacientes a respeito do cuidado com a saúde, atualização de vacinação, busca ativa de pessoas com hipertensão e diabetes, entre outras ações de promoção à saúde”.

Vanessa Faria, de 39 anos, agente comunitária de Saúde há cinco anos no Programa Médico de Família da Nova Brasília, na Engenhoca, destaca a importância do treinamento. “É muito importante este tipo de treinamento para que a gente aprenda a se virar em situações de emergência. Eu sempre fiquei insegura de passar por alguma situação durante o trabalho em que tivesse que usar os primeiros socorros e eu não tinha noção alguma”, explica Vanessa.

Foto: Bruno Eduardo Alves

A agente trabalha orientando os pacientes a respeito do cuidado com a saúde, na atualização da carteira de vacinação, entre outras atividades de cuidado com a comunidade. Também realiza busca ativa de pessoas com hipertensão e diabetes, orientando-os sobre o acompanhamento que devem fazer.

Daniel Lino, de 45 anos, agente comunitário há seis anos no Engenho do Mato, também aprova a iniciativa. “O curso é super importante, para nos ajudar em uma situação de risco na nossa área de atuação. Agora, depois do curso, teremos uma noção melhor de como agir nesses casos”, conta o agente.

To Top