Servidoras de Niterói são homenageadas no Dia Internacional da Mulher

Aos 64 anos, a presidente da Comissão Permanente de Licitação Municipal, Concyr Formiga, subiu ao palco do Teatro Municipal de Niterói ovacionada pelos colegas na manhã desta quinta-feira (08). Com direito a cartazes e muitos aplausos, ela foi uma das quase 40 servidoras homenageadas pela Prefeitura de Niterói no Dia Internacional da Mulher, em reconhecimento ao trabalho desenvolvido por elas, que ajudam a fazer o governo municipal. O evento faz parte da campanha Me Respeita, que integra e discute a constituição de políticas que garantam os direitos das mulheres.

Há quatro anos, Concyr Formiga comanda a equipe de licitação da cidade. “É um reconhecimento muito especial. Nós somos uma família, que trabalha com seriedade e se trata com muito carinho. Amo o meu trabalho, e isso reflete nos resultados que apresentamos na administração da cidade”, contou.

O prefeito de Niterói, Rodrigo Neves, exaltou a programação montada para celebração do Mês da Mulher na cidade, que se encerra com a entrega do Prêmio Inês Etienne Romeu. “Estou muito feliz de estar aqui com nossas servidoras, em uma homenagem que reconhece a dedicação das nossas mulheres ao compromisso com uma cidade melhor. Temos um calendário extenso, e que nos ajuda a discutir, cada vez mais, a igualdade de gênero”, disse.
A Coordenadora do movimento Niterói Mais Humana e primeira-dama do município, Fernanda Sixel, destacou que, nesse mês de março, as ações de discussão sobre os direitos da mulher foram potencializados na cidade. “Hoje trazemos à luz as servidoras que se dedicam cotidianamente à cidade. Essa lógica de retirada do anonimato também move a campanha Me Respeita, que escolheu as histórias de superação de cinco mulheres niteroienses. Estamos todas lutando por nossas liberdades, cada uma dentro de suas escolhas”, destacou.
A presidente da Coordenadoria de Políticas e Direitos das Mulheres (Codim), Ana Lúcia Fernandes, ressaltou que 8 de março demarca o caráter de luta para erradicação da desigualdade e violência contra as mulheres. “Niterói é vanguarda de garantia de políticas públicas para a mulher. Essas políticas têm se mantido devido à efetiva contribuição das nossas servidoras. Mais do que uma celebração, é um momento de relembrar a luta das que sonharam com um mundo com menos desigualdade entre homens e mulheres”, pontuou.

Aos 39 anos, e com uma barriga de sete meses, a guarda municipal Mônica Melo era só sorrisos ao lado da sobrinha, Juliana, que foi prestigiá-la na homenagem. “Tenho 15 anos de Guarda, e estou muito feliz de estar sendo homenageada pela primeira vez. É um reconhecimento muito bonito, e que dá muito orgulho para a gente e para a família”, comentou.

A programação completa do Mês da Mulher em Niterói pode ser consultada em: http://www.niteroi.rj.gov.br/downloads/mes-mulher.pdf.
Fotos: Luciana Carneiro

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline