Ciclovia em Camboinhas recebe manutenção - Niterói

Ciclovia em Camboinhas recebe manutenção

Siga o Instagram que mais cresce em Niterói! Link: @cidadedeniteroi

A Avenida Professor Carlos Nelson Ferreira dos Santos, em Camboinhas, na Região Oceânica, recebe reforço da sinalização horizontal, com mensagens estimulando o respeito aos pedestres e alerta nos cruzamentos e dispositivos de redução de velocidade. Segundo a prefeitura a próxima via a passar por melhorias será a Estrada Caetano Monteiro, em Pendotiba, no trecho entre a Sociedade Pestalozzi e a padaria Glamour. A Coordenadoria Niterói de Bicicleta, criada através de decreto publicado no Diário Oficial desta quarta-feira (10), está estruturando as intervenções em parceria com a NitTrans.

Segundo a prefeitura de Niterói, o trabalho em Camboinhas, está sendo realizado à noite para não interferir no trânsito, e deve ser concluído na semana que vem. De acordo com o responsável pela Coordenadoria Niterói de Bicicleta, Filipe Simões, o recapeamento da Avenida Professor Carlos Nelson Ferreira dos Santos contribuiu para a implantação de um projeto que trouxesse benefícios para ciclistas, pedestres e motoristas.

Fotos – Leonardo Simplício


“A ciclovia está sendo posicionada ao lado do canteiro central, com segregação física através de tachões e tachinhas e readequação da sinalização ao novo padrão que está sendo adotado na cidade, que é mais seguro. Além disso, será realizado o ordenamento do cruzamento da Avenida Professor Carlos Nelson Ferreira dos Santos e a Rua Professor Álvaro Caetano, em frente ao shopping Camboinhas Mall, promovendo maior visibilidade e segurança para quem acessa as vias”, explicou o coordenador.

Filipe Simões lembrou que esse trabalho começou no segundo semestre de 2020 pelas ciclovias da Avenida Amaral Peixoto e Rua São Lourenço, prosseguindo pela Estrada Leopoldo Fróes e Avenida Roberto Silveira. “Estas são algumas das principais vias de conexão de bicicletas do município e que correspondem aos eixos com maior circulação de ciclistas”, afirmou Filipe, lembrando que vias como as Avenidas Benjamin Constant, no Barreto, Professor Sílvio Picanço, em Charitas, e Rua João Brasil, no Fonseca, também estão incluídas neste projeto.

O coordenador enfatizou que as iniciativas têm como objetivo aumentar a segurança de ciclistas, pedestres e motoristas. “A requalificação da malha cicloviária representa mais um importante passo no processo de incorporação da bicicleta no cotidiano de Niterói, com ênfase na solução de conflitos e no atendimento das demandas geradas pelo crescimento do número de ciclistas na cidade”, frisou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *