Polícia

Polícia procura motorista acusado de causar tragédia em Niterói

Artista plástica Amanda Freitas, a Caboocla, morreu no sábado (14) após um acidente com um quadriciclo na orla de Camboinhas.

Uma mulher, identificada como Amanda Freitas de Assis, de 25 anos, que era artista plástica, conhecida como Caboocla, morreu no início da manhã deste sábado (14) após o veículo em que estava capotar em Camboinhas, Região Oceânica de Niterói. O suspeito de ter causado o acidente, identificado como Paulo Cesar Bocanera, é procurado por policiais civis da 81º DP (Itaipu).

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros, equipes do quartel de Itaipu foram acionadas para a Avenida Beira-Mar por volta de 6h30 para uma capotagem de veículo do tipo “UTV”. Ao chegar no local, os bombeiros já encontraram a jovem em óbito.

Reprodução Redes Sociais

Outra vítima do acidente, identificada como Laíz Britto Cavalcanti, de 24 anos, ficou levemente ferida e foi socorrida para o Hospital Estadual Azevedo Lima (Heal), no Fonseca. Segundo a direção da unidade, ela foi atendida e já recebeu alta. Segundo informações de testemunhas, Amanda e Laíz estavam no automóvel quando ele capotou.

O caso foi registrado na 81ª DP (Itaipu) e a perícia foi realizada no local. O veículo foi apreendido. As investigações estão em andamento para esclarecer o caso e localizar o condutor do automóvel. Paulo César Bocanera, é apontado como o dono do veículo e estaria levando as duas amigas para um passeio. Após a capotagem, o condutor teria fugido do local. A Bruna, irmã da Amanda, comunicou que o sepultamento da jovem será hoje (16), às 13h no cemitério Parque da Paz em São Gonçalo.

To Top