Saúde

Hospital Antônio Pedro participa de campanha de conscientização sobre câncer de pele

Hospital Universitário Antônio Pedro | Divulgação

No próximo sábado (03), o Hospital Universitário Antônio Pedro (Huap-UFF) participa da campanha Dezembro Laranja, da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), para a prevenção e conscientização do câncer de pele. Das 9h às 15h, a equipe do ambulatório de Dermatologia do hospital fará uma ação de conscientização com atendimento ao público em geral, realização de exame dermatológico preventivo e orientações para o diagnóstico precoce do câncer de pele. Para participar, é necessário apresentar identidade, CPF e comprovante de residência.

De acordo com informações da SBD, o câncer da pele responde por 33% de todos os diagnósticos desta doença no Brasil, sendo que o Instituto Nacional do Câncer (INCA) registra, a cada ano, cerca de 185 mil novos casos. O tipo mais comum, o câncer da pele não melanoma, tem letalidade baixa, porém seus números são muito altos. Os sintomas podem variar em cada caso, mas, no geral, são os seguintes:

  • Uma lesão na pele com aparência elevada e brilhante, translúcida, avermelhada, castanha rósea ou multicolorida, com crosta central e que sangra facilmente;
  •  Uma pinta preta ou castanha que muda sua cor, textura, torna-se irregular nas bordas e cresce de tamanho;
  • Uma mancha ou ferida que não cicatriza, que continua a crescer apresentando coceira, crostas, erosões ou sangramento.

O diagnóstico precoce facilita o tratamento, que varia de acordo com o tipo de câncer. O Hospital Antônio Pedro, instituição vinculada à Rede da Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), oferece um tratamento inovador e que possui índice de cura de 100% em tumores com baixa capacidade de disseminação, que é a Cirurgia Micrográfica de Mohs. Em julho de 2022, o hospital foi a primeira instituição de saúde da rede SUS no Rio de Janeiro a receber o aparelho para realização da cirurgia.

Durante a ação de sábado, os participantes que apresentarem suspeita de câncer de pele serão direcionados ao tratamento na rede municipal, pois todo atendimento na alta complexidade inicia a partir da rede. Devido aos novos casos de covid-19 no estado, é recomendável o uso de máscaras e álcool em gel para entrada no hospital.

To Top