Cidade

Obras em Portugal Pequeno prometem estimular a economia e o turismo local

Foto: Douglas Macedo

As obras do cais do Portugal Pequeno, um dos recantos mais charmosos e bucólicos de Niterói, na Ponta D’Areia, estão avançando e devem estar concluídas já no primeiro trimestre de 2023. O prefeito de Niterói, Axel Grael, vistoriou nesta terça-feira (11), o canteiro de obras que inclui o novo deck. Com investimento de R$ 3.237.782,02 as intervenções terão o objetivo de melhorar a infraestrutura do bairro e, com a revitalização, alavancar a economia local. A região é conhecida por ter recebido inúmeras famílias portuguesas no passado e ainda hoje mantém a tradição de estabelecimentos que oferecem a culinária de Portugal, incluindo iguarias como bacalhau ou o polvo à vinagrete.

“O Portugal Pequeno é um dos recantos mais históricos da cidade. Essas obras fazem parte de um pacote de investimentos dentro do Plano Niterói 450 anos e farão a economia girar. A revitalização deste local tão tradicional vai estimular a formação de um polo gastronômico para impulsionar o turismo. A região possui várias famílias portuguesas que se estabeleceram aqui no passado. Vamos desenvolver mais um espaço com atrações turísticas, recreação, geração de emprego, lazer e cultura”, disse o prefeito Axel Grael.

Foto: Douglas Macedo

As intervenções em Portugal Pequeno incluem a recuperação do cais na Rua Barão de Mauá até a área do Coreto. A região contará com novas calçadas, troca de toda a iluminação e a reforma da praça no final da Rua Barão de Mauá, nas proximidades do Estaleiro Mauá. O local também está recebendo obras de contenção de encostas. A ideia é desenvolver mais um espaço com atração turística, recreação, geração de emprego, lazer e cultura, valorizando e dando apoio também a indústria naval de Niterói.

“Dividimos a obra em três etapas para que os pescadores continuassem utilizando parte do cais. Nessa primeira fase, estamos trocando o madeiramento ruim e agora estamos recuperando o concreto estrutural, que estava muito deteriorado. Vamos fazer também um deck novo. Na próxima semana iniciaremos uma obra na praça, com obra de lazer, equipamento de terceira idade e brinquedo para as crianças”, disse Paulo César Carreira, presidente da Empresa Municipal de Moradia, Urbanização e Saneamento (Emusa). O secretário municipal de Obras e Infraestrutura, Vicente Temperini, também acompanhou a visita.

Principal área utilizada por moradores e pescadores da região, o deck terá a troca da madeira em toda a extensão, além de nova iluminação. A reforma da praça vai fortalecer os momentos de convivência dos moradores com um playground em grama sintética e academia da terceira idade. O espaço ainda vai ganhar um palco de atividades, churrasqueira, banheiro, um bicicletário e vagas para motocicletas.

O secretário regional do Centro e da Ponta D´Areia, Adriano Boinha, pontuou que as obras são de grande importância para a região. “Sendo nascido no bairro fico muito orgulhoso de poder ver esse projeto sair do papel, aquecendo a economia e gerando emprego no bairro, que tem uma importância muito grande que envolve todo o setor pesqueiro, em um local que é o berço da construção naval. É uma obra que agrega pesca, indústria, moradores e comerciantes. Esse cantinho da Ponta D’Areia merecia essa revitalização”, disse Adriano Boinha.

Maria Izabel Menegado mora há 33 anos na Ponta D`Areia e comemora a obra. “Nós moradores estamos muito felizes em todos os sentidos. Eu trabalhei 20 anos em estaleiro, e essa obra vai ser boa para todos, uma revitalização total do espaço. Vamos poder voltar aos velhos tempos”, disse.

Obras

O bairro da Ponta da Areia, que abriga o tradicional Mercado de Peixe, estaleiros navais e uma das comunidades mais antigas da cidade, o Morro da Penha, vem recebendo inúmeras intervenções da Prefeitura nos últimos anos.

Dentre as obras na localidade já foram realizadas reforma da quadra de esportes da Praça Amendoeira, revitalização da Praça Atalair Peixoto Neves, revitalização da quadra Moacyr Barcellos na Ladeira das Dores, no Morro da Penha, reforma da E.M. Nossa Senhora da Penha do programa “Mais Infância”, criado em 2013, com objetivo de aumentar o número de vagas e garantir o acesso à educação infantil.

Estão sendo realizadas intervenções no posto do Médico de Família, que está passando por uma reforma geral com custo de pouco mais de R$ 470 mil que vai beneficiar mais de 6.800 niteroienses. Pelo seu valor histórico e clima bucólico, o bairro já serviu de cenário para gravações recentes de novelas como “A Força do Querer”.

To Top