Política

Castro, Freixo e Neves lideram pesquisa para o governo do Rio

Claudio Castro, Marcelo Freixo e Rodrigo Neves | Nova pesquisa eleitoral aponta três candidatos com chances de vencer as próximas eleições

Pesquisa eleitoral para Governador do Rio de Janeiro divulgada pelo Instituto Gerp nesta segunda-feira (22), aponta três pré-candidatos à frente na corrida eleitoral, com chances reais de vitória: o atual governador Cláudio Castro (PL) tem 26%, o deputado federal Marcelo Freixo (PSB) aparece com 16% e o ex-prefeito de Niterói Rodrigo Neves (PDT) soma 8% das intenções de voto. Quando perguntados espontaneamente, 71% dos eleitores responderam que ainda não sabem em quem votarão para governador nas próximas eleições.

Mais atrás na corrida eleitoral e com sua candidatura impedida pela Justiça, aparece o ex-governador Wilson Witzel (PMB), que tinha Cláudio Castro como seu vice e sofreu impeachment ano passado acusado de corrupção na área de Saúde durante a pandemia. Cyro Garcia (PSTU) tem 3%. O deputado federal Paulo Ganime (Novo) e Eduardo Serra (PCB) apresentam índice de 1%. Juliete Pantoja (UP) e Luiz Eugênio Honorato (PCO) não pontuaram na pesquisa.

Rejeição

O índice de rejeição apresentado na pesquisa mostra que os melhores avaliados pelos eleitores são Rodrigo Neves e Luiz Eugênio Honorato, com rejeição de apenas 6%. O levantamento mostra ainda que 43% dos eleitores do estado do Rio de Janeiro não votariam em Wilson Witzel, 29% rejeitam Marcelo Freixo, 13% negam voto a Claudio Castro, 9% não votam em Cyro Garcia, 8% rejeitam Eduardo Serra e Juliete Pantoja e 7% não votam em Paulo Gamine.

O índice de conhecimento de políticos mostra que Rodrigo Neves é o menos conhecido entre os três candidatos mais bem colocados na pesquisa, sendo conhecido por 57% dos entrevistados. Em seguida aparecem Claudio Castro, com 67%, e Marcelo Freixo, conhecido por 79% dos eleitores.

Avaliações

A pesquisa traz ainda avaliações dos governos estadual e federal e mostra que 41% dos eleitores do estado do Rio de Janeiro desaprovam a gestão de Claudio Castro, enquanto 43% aprovam e 16% não souberam responder. O governo do presidente Bolsonaro é desaprovado por 44% dos entrevistados, aprovado por 49%, enquanto outros 7% não souberam responder.

A pesquisa ouviu 1.500 eleitores no estado do Rio de Janeiro entre os dias 15 e 18 de agosto e foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo RJ-04222/2022. O levantamento tem margem de erro de 2,5 pontos percentuais para mais e para menos, com índice de confiança de 95,5%.

To Top