Niterói poderá ter 400 bicicletas compartilhadas com 40 estações
@cidadedeniteroi

Niterói poderá ter 400 bicicletas compartilhadas com 40 estações

O Plano Niterói 450, anunciado pela prefeitura, inclui ações de ampliação e requalificação da infraestrutura cicloviária. Na Região Oceânica, a meta é alcançar a marca de 60 quilômetros de ciclovias e ciclorrotas, além de concluir a implantação dos bicicletários e paraciclos. Na Região Norte, a previsão é de implantar ou requalificar 21,5 quilômetros de ciclovias, ciclofaixas e ciclorrotas. O objetivo é chegar a 120 quilômetros de infraestrutura cicloviária em Niterói até 2024.

Neste segmento de mobilidade sustentável, a Coordenadoria Niterói de Bicicleta destaca o aumento de 113% do número de vagas disponíveis no Bicicletário Arariboia de forma integrada ao projeto da nova Praça Arariboia até o fim de 2024. Além disso, está em estudo a implantação de um sistema de compartilhamento de bicicletas com 40 estações e 400 bicicletas nos bairros do Centro, São Lourenço, Fonseca, Icaraí, Santa Rosa, Ingá, São Domingos e Gragoatá.

Implantar um Sistema de Bicicletas Compartilhadas é uma das metas do Programa Niterói Que Queremos, formulado através de consulta à sociedade. O principal objetivo é a promoção da bicicleta como meio de transporte na cidade, que poderá ser utilizada em viagens combinadas a outros modais de transporte, ou em viagens de distâncias curtas. A proposta é que as bicicletas compartilhadas sejam utilizadas como uma opção de transporte no município, com a vantagem de ser mais saudável e sustentável.

To Top
Secured By miniOrange