Comissão de Educação de Niterói divulga diagnóstico trimestral
Educação

Comissão de Educação de Niterói divulga diagnóstico trimestral

Durante reunião realizada nesta quinta-feira (10), a Comissão de Educação da Câmara Municipal de Niterói apresentou o diagnóstico trimestral dos dados da Rede de Educação do município no período de janeiro a março deste ano. Dentre os destaques do documento, está o histórico de ofertas de vagas por anos de escolaridade entre os anos de 2017 e 2022.

Presidente da Comissão de Educação, o vereador Binho Guimarães (PDT) explica que a sua gestão, desde quando assumiu em janeiro de 2021, se sustenta na condução dos trabalhos por meio de métricas e evidências. A Comissão vem buscando alternativas para que o ano letivo de 2022 esteja regularizado para 100% das crianças o quanto antes.

“Um dos pilares centrais da nossa gestão é o processo de decisão guiado por métricas e evidências. Para isso, produzimos diagnósticos e relatórios avaliativos periódicos aptos a orientar as discussões com base na realidade dos fatos. Com base em dados. Hoje especificamente, debruçamo-nos sob os quantitativos de vagas da Rede para 2022, números de matrículas (novas e antigas), capacidade da demanda por bairros e perspectivas de novas unidades”, destacou Binho Guimarães.

O diagnóstico aponta que a Rede possui hoje cerca de 30 mil alunos. Em 2021 houve um aumento de aproximadamente 1.900 matrículas, motivo pelo qual o município precisou se reorganizar de modo a absorver esse quantitativo. Alguns dados indicam as ações prioritárias, como os índices de bairros que hoje demandam mais atenção para vagas na educação infantil (Fonseca, Itaipu e Santa Rosa).

As reuniões da Comissão de Educação acontecem mensalmente e são abertas ao público.

To Top
Secured By miniOrange