Geral

Pestalozzi Niterói elege nova diretoria para triênio 2022/2025

Associação Pestalozzi de Niterói elegeu na manhã desta terça-feira, dia (8), a sua nova diretoria que comandará a instituição pelos próximos três anos. Jussara Sílvia da Silva Freitas, que por 29 anos atuou na área de educação especial da Pestalozzi foi eleita presidente, tendo como primeira vice-presidente, Marcia Villaça Pacheco, uma das mais antigas voluntárias da instituição e como segundo vice-presidente, Carlos Alberto Consídera, que durante o último ano presidiu a instituição.

Assembleia aconteceu no modelo virtual.

A Assembleia também elegeu os novos conselheiros fiscais que são Eduardo Picanço, Cícero Mauro Fialho e José Geraldo Lamas e aprovou as contas referentes ao ano de 2021, também auditadas por um órgão independente.

Durante a reunião, o atual presidente Carlos Alberto Consídera destacou o trabalho sério e competente desenvolvido pelos diretores voluntários e por todos os servidores da instituição e lembrou que estava abrindo mão da presidência por motivos estritamente particulares, mas que continuaria a colaborar, agora como vice-presidente. “Ainda me sinto um calouro aqui na Pestalozzi, em comparação com os outros, mas tenho certeza de quando se aprofunda nesse ideal, passa a ser um combativo defensor da causa”, disse ele, elogiando a escolha da nova presidente Jussara da Silva Freitas, que tem imenso conhecimento técnico da instituição.

Jussara relembrou que durante 29 anos trabalhou na Pestalozzi que considera a sua segunda família. “Fui contratada como pedagoga e cinco anos depois, fui convidada à coordenar o centro Experimental Helena Antipoff. Um imenso desafio, mas que teve um grande estímulo da doutora Lizair, então presidente, que me encorajou para seguir em frente. Acho que dei conta do recado. Agora, depois de dois anos aposentada, me lanço novamente neste novo trabalho. Me emociono, mas tenho a certeza de que conto com uma imensa rede de apoio, formada pelos diretores e pelos colegas funcionários”, disse ela.

Também presente à assembleia que aconteceu no modelo virtual, o ex-presidente José Raymundo Martins Romeo destacou o empenho e a colaboração do presidente Carlos Alberto Consídera. “Quando assumi a instituição, em um momento delicado, com contas para serem aprovadas e auditadas, convidei o Consídera para o Conselho Fiscal. Sabia que poderia contar com a sua competência de anos. Depois, o coloquei na vice-presidência e quando me afastei por conta da covid-19, tive a tranquilidade de mais uma vez ter a sua competência e generosidade para me substituir”, disse. Professor Raymundo também destacou o que chamou de “devoção”, da futura presidente.

“Para atuar na Pestalozzi é preciso ter uma espécie de devoção pela causa. A Jussara, assim como vários outros funcionários daqui, tem essa devoção. Ela conhece profundamente cada canto dessa Casa e tenho certeza de que fará um trabalho brilhante.

Homenagem a Ruas

Os associados presentes à assembleia também aprovaram por unanimidade a concessão do título de Sócio Honorário ao jornalista Carlos Ruas pelo apoio incondicional durante anos à causa pestalozziana. “Está na história da Pestalozzi as inúmeras contribuições de Carlos Ruas na divulgação das iniciativas da Pestalozzi de Niterói. O título é justo e merecido e faremos uma solenidade de entrega”, disse Consídera.

To Top