Idosa presa em Niterói por matar e ocultar corpo de ex-marido; assista
Polícia

Idosa presa em Niterói por matar e ocultar corpo de ex-marido; assista

Policiais Civis da 66ª DP – Piabetá prenderam, no Centro de Niterói, uma mulher foragida desde fevereiro de 2010 acusada de atacar e matar o ex-marido. De acordo com a especializada, em setembro de 2009, Judith Mendonça Saguia, atacou Jorge Alcir Conde de Mendonça, a facadas em uma rua no Méier, Rio de Janeiro. A vítima estava com a esposa e precisou levar 7 pontos no rosto. A mulher de Jorge, identificada apenas como Ana, também ficou ferida e precisou levar 11 pontos. (Vídeo abaixo)

Ainda segundo informações da Polícia Civil, em janeiro de 2010, o corpo de Jorge foi localizado no imóvel em que morava com Judith. Havia poucas semanas que os dois tinham reatado o relacionamento. Na época, a Polícia Civil foi acionada por conta do mau cheiro que vinha da residência.

O inquérito policial foi concluído com o indiciamento de Judith pela prática do crime de Homicídio qualificado e ocultação de cadáver. O laudo policial apontou que Jorge morreu de traumatismo de crânio e tórax causado por uma ação contundente. Em depoimento, Judith confessou que matou e ocultou o corpo de Jorge e que fugiu para a Paraíba, onde ficou cerca de três anos. A criminosa afirmou ainda que matou o ex-companheiro a pauladas e que no dia seguinte foi até uma loja de construção onde adquiriu material para concretá-lo no vão de uma escada.

To Top
Secured By miniOrange