Integrantes do Fórum das Juventudes em Mudanças Climáticas de Niterói tomam posse - Niterói
Cidade

Integrantes do Fórum das Juventudes em Mudanças Climáticas de Niterói tomam posse

Os 17 jovens membros da Plenária do Fórum das Juventudes em Mudanças Climáticas de Niterói tomaram posse na quarta-feira (8). Lançado em agosto, durante a Semana da Juventude, a iniciativa tem o objetivo de mobilizar e sensibilizar a juventude niteroiense para discutir os problemas decorrentes das mudanças do clima e o desenvolvimento sustentável. A plenária conta com representantes do poder público, da iniciativa privada, da academia e de organizações da sociedade organizada.

Fotos: Douglas Macedo

O prefeito Axel Grael enfatizou o protagonismo de Niterói na agenda climática e lembrou que o tema vem sendo discutido na cidade e os avanços em agendas efetivas. “Cada vez mais, vemos relatórios que alertam sobre a urgência de medidas para reverter o processo de mudanças climáticas. As cidades são fundamentais nesse contexto, porque concentram quase 80% da energia produzida no mundo, e emitem 76% dos gases de efeito estufa. É fundamental que as cidades tomem o protagonismo nessa questão. A questão climática é muito complexa e nos exige ações que pensem localmente, regionalmente, nacionalmente e globalmente. É preciso fazer o cidadão comum entender que ele tem um papel a cumprir no tema das mudanças climáticas. Ao dar posse a esse fórum, Niterói, mais uma vez, toma posição de vanguarda e quer compartilhar com os jovens da cidade as responsabilidades para tomada de medidas preventivas e de adaptação. E mais importante, gerar uma reflexão que permita que a experiência do município influencie outras cidades também”, ressaltou.

O secretário municipal do Clima, Luciano Paez, frisou que o Fórum das Juventudes em Mudanças Climáticas é um palco fundamental para a construção, de forma participativa e democrática, através de todos os aspectos da sociedade, dos rumos da política pública da cidade “Produzir as diretrizes deste processo, de forma altamente democrática, e envolvendo os jovens neste poder de decisão, legitima e consolida as ações que daremos para o futuro de Niterói”, afirmou.

O coordenador da Juventude da Prefeitura de Niterói, Eduardo Oliveira, ressaltou que a iniciativa de criar um fórum para discutir este tema, que já está no estatuto da Juventude, é mais um espaço para que se possa não apenas discutir os temas apresentados, mas também, propor soluções e alcançar cada vez mais jovens para refletir sobre essas questões. “O trabalho que vem sendo realizado em Niterói servirá de modelo para outras cidades do país. É nas cidades onde a gente vive, onde a gente realiza o nosso trabalho e onde somos capazes de transformar aquele pequeno espaço desde a nossa casa, nosso bairro, mudando assim, de fato, a realidade do nosso país. A juventude é o futuro, é importante isso, mas nosso espaço é o presente que estamos e que podemos mudar. Essa juventude se coloca nesse espaço para mudar essa realidade com o que está errado e continuar o legado do que está certo”, comentou.

Representando os jovens integrantes do Fórum, Marco Rocco, destacou a importância da iniciativa com a representação de diferentes setores da sociedade, tanto do poder público, legislativo, sociedade civil e também da iniciativa privada. “A Prefeitura está fazendo uma gestão muito atenta ao meio ambiente e a sustentabilidade, principalmente com a criação da secretaria municipal do Clima e, agora, com a criação deste fórum permanente. É uma honra e um desafio para todos aqui que estamos representando a juventude niteroiense fazer parte desta iniciativa”, disse.

To Top