Saúde

Niterói promove vacinação para pessoas em situação de rua

A Prefeitura de Niterói, por meio da equipe volante do Consultório de Rua da Secretaria de Saúde, vacinou, nesta terça e quarta-feira (1 e 2), a população vulnerável da cidade que, diariamente, é assistida pelos serviços do Centro Pop da Secretaria Municipal de Assistência Social e Economia Solidária (Sases). Desde o dia 25 de maio, a população em situação de rua vem sendo vacinada na cidade. Até o momento, mais de 150 pessoas receberam a imunização.

O secretário municipal de Saúde, Rodrigo Oliveira, falou da importância da vacinação neste público. “Estamos cientes da vulnerabilidade das pessoas que estão em situação de rua, expostas ao contato com o vírus de forma mais direta. Por isso não medimos esforços nas políticas públicas para garantir mais qualidade de vida a essa população. O Consultório na Rua e as equipes da Secretaria de Assistência Social estão sendo fundamentais nesse processo, com o acompanhamento contínuo, rastreio dos casos confirmados e, agora, na imunização que é fundamental para a proteção”, destacou o secretário.

Fotos: Douglas Macedo

O Coordenador do Consultório na Rua de Niterói, Alexandre Trino, detalhou a estratégia de vacinação. “O Consultório na Rua tem papel de atenção integral à saúde da população em situação de rua e a vacinação é parte disso. Já imunizamos os usuários com comorbidades e, agora, estamos vacinando toda a nossa população alvo. Essa semana priorizamos os usuários no hotel e dos abrigos. Na semana que vem, vamos nos posicionar no Centro Pop, que é um local de convivência diária deles, para vacinar o maior número de pessoas”, explicou.

O Centro Pop, que fica no Centro de Niterói, tem a finalidade de assegurar atendimento e atividades direcionadas para o desenvolvimento de sociabilidades, na perspectiva de fortalecimento de vínculos interpessoais e/ou familiares que oportunizem a construção de novos projetos de vida. O local oferece trabalho técnico para a análise das demandas dos usuários, orientação individual e grupal e encaminhamentos a outros serviços socioassistenciais e das demais políticas públicas que possam contribuir na construção da autonomia, da inserção social e da proteção às situações de violência. O Centro Pop também promove o acesso a espaços de guarda de pertences, de higiene pessoal, de alimentação e provisão de documentação civil.

Além do Centro Pop, a Sases conta com uma rede de acolhimento composta por cinco unidades de acolhimento e um hotel social que totalizam 240 vagas. As unidades de acolhimento são divididas por faixa etária e gênero. A rede de acolhimento também oferta vagas para idosos em Instituições de Longa Permanência Para Idosos (ILPI).

To Top