Hamburgueria de Niterói apostou no delivery e mostrou o seu potencial na pandemia - Niterói
Empreendedorismo

Hamburgueria de Niterói apostou no delivery e mostrou o seu potencial na pandemia

Histórias de sucesso durante a pandemia do novo coronavírus inspiram e podem ser o passo que falta para quem quer empreender ou melhorar a gestão dos seus negócios neste momento de incertezas para o mercado. Por isso, o Portal Cidade de Niterói tem selecionado casos de sucesso empresarial da cidade que vão certamente ajudar você empreendedor a ter otimismo em meio à pandemia.

A história que iremos contar hoje é a da Umah Hamburgueria fundada há três anos em Niterói. Os empresários Nilton Guedes e Allan Ouverney deram início a história da empresa quando tinham uma fábrica de carnes para hambúrguer artesanais. Os empreendedores contam que na época, não havia uma hamburgueria em formato exclusivamente delivery, foi então que enxergaram a oportunidade de começar o negócio que acabou indo além e se tornou quase que um estilo de vida.

Quando estavam prestes a abrir a segunda unidade para testar o modelo de franquia, em 2020, foram surpreendidos com a pandemia que, a princípio, aumentou o faturamento, mas com o fechamento do comércio, logo ganharam concorrência de restaurantes e bares que migraram para o delivery.

Divulgação / Umah Hamburgueria

“Mesmo nos momentos mais difíceis não deixamos de acreditar em nosso propósito. No primeiro momento houve um aumento no faturamento, mas quando os bares e restaurantes precisaram se adaptar, a concorrência aumentou muito e a variedade de opções também. Mas a superação veio com mais trabalho, novos aprendizados, adaptações, buscas, renúncias, inovações, criatividade e principalmente determinação”, conta Nilton.

O cardápio da Umah Hamburgueria é produzido com insumos artesanais, principalmente a carne e o pão. O tamanho dos hambúrgueres são ideais para comer com as mãos e os acompanhamentos são simples como as elogiadas batatas, que são fatiadas diariamente e fritas na hora. O segredo para ficarem sequinhas e crocantes está na temperatura do óleo. A maionese temperada também está entre os queridinhos da casa.

“Investimos em comunicação, nas mídias sociais e divulgação junto a formadores de opinião. Além da criação de um cartão fidelidade” explica Nilton.

As parcerias também se mostraram eficazes na caminhada dos sócios, como é o caso do hambúrguer feito com a loja vizinha Sal & Baunilha, de Dry Aged. A receita, que era um sonho antigo, traz a carne depois de um processo de maturação a seco que dura de 30 a 70 dias. Nesse tempo, a carne in natura descansa em temperatura, umidade e ventilação controladas e vai perdendo líquido, o que deixa o insumo mais suculento e com o sabor mais amanteigado.

Na próxima semana, a Umah lança outra parceria com a casa de carnes Sal e Baunilha. Trata-se do Smoked Burger, feito em comemoração ao Dia Nacional do Hambúrguer que acontece no próximo dia 28 de maio. A receita idealizada por Allan Ouverney leva um suculento Blend Angus de 160g defumado na lenha de pessegueiro, queijo mozzarela e bacon também defumado na lenha de pessegueiro, no macio pão brioche. Uma explosão de sabor servido apenas nos dias 28, 29 e 30.

To Top