Cidade

1º de Abril marcado por polêmicas em Niterói

O Prefeito de Niterói causou uma enorme polêmica na cidade ao fazer uma live no facebook na noite da última quarta-feira, 1º de Abril, onde anunciou medidas inventadas por ele e sua equipe que determinavam segundo informações divulgadas na live a restrição da entrada de pessoas de municípios vizinhos em Niterói, com exceção de moradores e trabalhadores de serviços essenciais, mediante comprovação (crachá ou carteira de trabalho), o transporte público intermunicipal ficaria restrito a 25% de sua capacidade apenas, e ainda seriam instalados 21 bloqueios com barreiras de concreto. 

Após uma grande reprovação popular com relação as medidas anunciadas a prefeitura recuou e anunciou que nesta primeira etapa, entre 4 e 18 de abril, será apenas proibida a circulação de táxis de municípios vizinhos e determinada a redução para 30% de ônibus intermunicipais no Terminal Municipal João Goulart. A prefeitura também informou que serão montados pontos de bloqueio com agentes de trânsito e das forças públicas. Os caminhões e transportes de carga não sofrerão restrições para fazer entregas.

Leia também: Aras quer que STF garanta tráfego entre estados e municípios +

Leia também: Prefeitura de Niterói e os Microempreendedores Individuais (MEI) “não aptos ao benefício” +

Neste vídeo Rodrigo Neves anuncia a medida inventada:

Neste vídeo Renato Barandier, anuncia que 21 bloqueios terão barreiras de concreto:

Este é o “card” que o prefeito se refere, que contém as mesmas informações que as anunciadas nos dois vídeos acima.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

To Top