Música brasileira entre 1830 e 1910 em destaque no Solar

Neste sábado, 01 de setembro, a cantora Tereza Pineschi apresenta, no Solar do Jambeiro, a partir das 19h, o espetáculo “Teu Grammophone é Bão…”, baseado em seu CD homônimo, que faz um passeio pela música popular brasileira de meados do século XIX até a primeira década do século passado. Lundus, polcas, maxixes e os primeiros sambas, que deram origem ao samba carioca, serão apresentados de forma contextualizada, por meio de pequenos monólogos dirigidos a platéia. Os ingressos custam R$30 (a inteira) e a classificação indicativa, livre.
Uma apresentação para contar a história do samba, “Teu Grammophone é Bão” irá apresentar os ritmos que deram origem ao gênero, trazendo canções desconhecidas do grande público. A apresentação será dividida em blocos temáticos, com crônicas dos problemas urbanos, humor de duplo sentido, erotismo na culinária brasileira e diferenças rítmicas da época.
A carreira da niteroiense Tereza Pineschi como cantora não é recente e sua versatilidade inclui do samba de breque ao tango, do popular à ópera. Sua ascensão profissional tem sido marcada por registros cada vez mais significativos da sua qualidade vocal e pela seleção criteriosa de seu repertório. O disco, lançado em 2005, reúne composições que nunca tiveram qualquer registro fonográfico, de compositores como Francisco Manuel da Silva, Paula Brito, Marcelo Tupinambá, Cândido Inácio da Silva, Bernardo Lisboa e Raul Pizzaroni.
Serviço
Teu Grammophone é Bão…
Data: 01 de setembro, sábado
Horário: 19h
Capacidade: 60 pessoas
Ingresso: R$30 (a inteira)
Classificação indicativa: Livre
Local: Solar do Jambeiro
Endereço: Rua Presidente Domiciano, 195, Boa Viagem, Niterói

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline