Atletas do Canto do Rio se classificam para Nacional de Ginástica

Ginastas irão representar a Região Sudeste na competição. Clube garantiu três vagas.

Após ficarem entre as primeiras colocadas no Torneio Regional Sudeste no último fim de semana, as ginastas Gabriele Souza, 18, Amanda Fernandes, 20 e Eduarda Oliveira, 20, do Canto do Rio, se classificaram para o Torneio Nacional de Ginástica Rítmica que acontece em outubro em São Paulo. As três atletas representarão a região sudeste na competição.

Mais de 400 atletas estiveram na disputa. Apenas quatro vagas por categoria e nível foram destinadas a região e destas, três vagas são do clube niteroiense. Duas delas na categoria adulto, nível 2, e uma na categoria adulto, nível 1.

“Não foi fácil. Tivemos falhas inesperadas, vimos o nervosismo tomando conta muitas vezes. Mas também vimos superação e o quanto nossas meninas estão amadurecendo. No último dia de campeonato nossa categoria adulto fez bonito em quadra, e as meninas mostraram o quanto são capazes de se renovar a cada coreografia. Estamos felizes e certas que temos ainda muito a trabalhar e melhorar, mas firmes de que estamos no caminho certo”, revelou a técnica Gisele Matta.

Motivos de Orgulho

Gabriele Souza, apesar de ser a mais nova entre as classificadas já é uma atleta experiente. A jovem já participou de quatro torneios regionais e na última edição, garantiu não somente a classificação, mas também a terceira colocação geral da categoria no Torneio Nacional. Nesta edição do Regional, a ginasta ficou em primeiro no aparelho maças (N1) e terceiro lugar na classificação geral, colocação que a credenciou a seguir para o Nacional e tentar repetir o feito do ano passado.

“O Nacional é o torneio mais divertido de se fazer porque você chegou ali por mérito seu, não foi só porque você se inscreveu no campeonato, você chegou ali porque passou. O mais legal de se classificar é você ver que todo trabalho do ano letivo está valendo à pena e isso é muito importante”, afirmou Gabriele.

Já Eduarda Oliveira, conquistou pela primeira vez a classificação. A atleta ficou em primeiro lugar no aparelho maças (N2) e em segundo na classificação geral.

“Fiquei muito feliz com o resultado. Foi um sonho que se realizou agora. Poder participar de um Nacional é incrível pra mim, tentei em 2014, mas não consegui e voltei agora e consegui essa classificação. Minha expectativa agora é fazer um bom torneio, com séries melhores que as do regional para conseguir ficar entre as primeiras colocadas e se possível sair campeã”, revelou Eduarda.

Amanda Fernandes também se classificou. Foi o primeiro regional da ginasta como atleta federada. Amanda ficou em primeiro lugar no aparelho fita (N1) e em quarto na classificação geral.

“É a primeira vez que compito fora do estado e não esperava me classificar, mas graças a Deus eu consegui e está sendo muito boa a experiência. Agora vamos treinar mais, corrigir as falhas para poder representar bem a nossa equipe e o estado do Rio de Janeiro”, revelou Amanda.

Trabalho sério

Os resultados expressivos condecoram um trabalho sério que é desenvolvido em todos os seguimentos esportivos do Canto do Rio. De acordo com o presidente Rodney Melo o objetivo do clube é incentivar o esporte em suas diferentes vertentes.

“A gente sabe que o Canto do Rio não é só futebol. Nossa ideia é atuar em todos os seguimentos esportivos e a ginástica rítmica veio somar nesse contexto que a gente quer desenvolver aqui no clube. É muito satisfatório saber que essas meninas conseguiram êxito treinando, estando aqui quase que diariamente. Isso só tem agregado valores a esse empreendimento que estamos desenvolvendo que é ladear o esporte de uma maneira geral”, salientou o presidente Rodney Melo.

O Torneio Nacional de Ginástica Rítmica acontece entre 17 e 21 de outubro em São Bernardo do Campo, São Paulo. Participam da disputa atletas das cinco regiões do Brasil.

Fotos: Sérgio Bastos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Inline
Inline