ALERJ define piso salarial de jornalistas em R$ 3.044,78

Emenda do deputado Waldeck Carneiro garante conquista à categoria

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (ALERJ) votou ontem (07/02), o Projeto de Lei (PL) 3764//2018, que estabeleceu pisos regionais para mais de 170 categorias de empregados da iniciativa privada que não possuem salário definido por lei federal, convenção ou acordo coletivo. O texto original previa um aumento de 2,52%, mas os deputados aumentaram este percentual para 5%. Os salários foram divididos em seis faixas, entre R$ 1.193,36 e R$ 3.044,78, abrangendo mais de dois milhões de trabalhadores.

Foto: Thiago Lontra

Uma das categorias incluídas e beneficiadas foi a dos jornalistas, através de emenda modificativa do deputado estadual Waldeck Carneiro (PT). Os profissionais do setor terão como piso salarial o valor de R$ 3.044,78. O efeito da nova lei, que seguirá para sanção do governo estadual, é retroativo a 1º de janeiro deste ano.

“Trabalho dos jornalistas é central”, afirma o deputado Waldeck que também explicou porque incluiu os jornalistas no Piso Regional do Estado do Rio de Janeiro, “Não entendemos como uma sociedade pode efetivamente caminhar no sentido da consolidação da democracia, num momento em que o país encontra-se tão acabrunhado em respeito ao estado democrático de direito, querendo barrar o reconhecimento da centralidade do trabalho dos jornalistas como operador fundamental para a materialização de um dos pilares democráticos: a liberdade de imprensa”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *