Moradores da Piratininga participam da elaboração do projeto do Parque Orla

As associações de moradores e entidades da sociedade civil participaram, na noite de segunda-feira (18.12), de um encontro promovido pela Prefeitura de Niterói que discutiu as intervenções que serão realizadas para a implantação do Parque Orla de Piratininga e do sistema cicloviário da Região Oceânica. Além da apresentação do estudo conceitual do projeto, os presentes também participaram de oficinas de trabalho, dando sugestões e ideias que poderão ser incorporadas ao projeto. A próxima reunião será realizada com pescadores.
O secretário Executivo da prefeitura, Axel Grael, abriu a reunião fazendo uma apresentação geral do projeto, que é um dos componentes Programa Região Oceânica Sustentável (PRO-Sustentável), programa que levará obras de infraestrutura, drenagem, pavimentação e mobilidade à Região Oceânica, além de desenvolvimento sustentável e recuperação ambiental. O PRO-Sustentável receberá R$ 350 milhões em investimento, financiados pelo Banco de Desenvolvimento da América Latina – Cooperação Andina de Fomento (CAF).
Após a apresentação, o público presente participou de uma oficina, em que fizeram sugestões ao estudo, apontando nos mapas do entorno da lagoa os locais e intervenções que sugeriram.
“Apresentamos um estudo conceitual, que não é o projeto definitivo, e fizemos oficinas para que os moradores e representantes das entidades sugerissem intervenções, modificações e dessem ideias. A participação da população é fundamental para que tenhamos um estudo bastante consistente. Somente depois dessa fase de escuta é que vamos iniciar o processo de licitação dos projetos executivos”, explicou Grael.
O  Parque Orla de Piratininga e o sistema cicloviário da Região Oceânica encontram-se em fase preparatória para a produção do edital de licitação dos respectivos projetos executivos. A área do parque terá 9 quilômetros de extensão e irá receber obras de infraestrutura, drenagem, manejo de águas pluviais e pavimentação, prezando pelo desenvolvimento sustentável e recuperação ambiental da Lagoa de Piratininga. O Parque Orla vai recompor os ecossistemas e a função ecológica da orla da lagoa, usando técnicas de paisagismo sustentável, com soluções para a drenagem e qualidade das águas. A área terá ainda infraestrutura de lazer, recreação, ciclovia e calçadas contemplativas.
Também serão licitados paralelamente um estudo da dinâmica hídrica/ambiental do Sistema Lagunar Itaipu/Piratininga, buscando identificar a solução para a recuperação das lagoas com a finalidade de melhorar suas condições de uso pela população, bem como o patrimônio paisagístico local; e um estudo experimental para a avaliação de alternativas tecnológicas para a redução do estoque de nutrientes nas lagoas, com a finalidade de reduzir a camada de lodo que se acumula no fundo e desta forma melhorar as condições de balneabilidade para o uso para esportes náuticos e para melhorar as condições de prática da pesca.

Fotos Bruno Eduardo Alves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *