Atividades lúdicas em Niterói chamam atenção para cuidados no trânsito

Ações em vias movimentadas da cidade fazem parte dos últimos dias da Semana Nacional de Trânsito

As ruas de Niterói estão recebendo, nos últimos dias da Semana Nacional de Trânsito, ações de conscientização em vários pontos da cidade. A Niterói Transportes e Trânsito (NitTrans), o programa Niterói de Bicicleta e a Fundação Municipal de Educação estão levando para vias movimentadas do município, como a Avenida Amaral Peixoto, atividades lúdicas para chamar atenção dos atores envolvidos na dinâmica de trânsito.
Educação no Trânsito - Alexandre Vieira018
Na última quinta-feira, a atividade contou com palhaços e educadores de trânsito, que realizaram diferentes abordagens com quem passava pela Amaral Peixoto, no final da tarde. A coordenadora do Niterói de Bicicleta, Isabela Ledo, contou que a ideia é que esse tipo de ação seja realizado ao longo do ano.

“Escolhemos pontos em que identificamos maiores índices de conflito entre pedestres, ciclistas e motoristas para realizarmos essas abordagens”, explicou.

Com um sorriso no rosto, a chefe do Departamento de Educação para o Trânsito da NitTrans, Priscilla Lundstedt Rocha, alertava pedestres invadindo calçadas, motociclistas utilizando o capacete de forma errada e motoristas parando em cima da faixa.

“Nossa função aqui é educacional. Queremos conscientizar as pessoas para que elas escolham sempre fazer o certo, em seu próprio benefício, para ficar em segurança”, detalhou.

A estudante Andreza Domingues, de 22 anos, aceitou participar, e atravessou a avenida segurando um cartaz sobre o número de mortes em acidentes de trânsito no país.

“Costumo andar de bicicleta, e acho que falta respeito com o ciclista, e por parte do ciclista. É importante ter esse tipo de ação para conscientizar a população sobre as regras de trânsito”, disse.

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), o Brasil é o quinto país com mais mortes no trânsito. Os acidentes de trânsito são os maiores responsáveis por mortes na faixa de 15 a 29 anos de idade, o segundo na faixa de 5 a 14 anos e o terceiro na faixa de 30 a 44 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *