Game EducaClin é lançado em escola municipal de Niterói

Jogo aborda conceitos de coleta seletiva para crianças e jovens

A Companhia de Limpeza Urbana de Niterói (Clin) lançou, nesta sexta-feira (15/9), na escola municipal Paulo Almeida Campos, em Icaraí, o EducaClin, um game que tem como objetivo introduzir conceitos de coleta seletiva para crianças e jovens. Em cinco fases, o jogador pode escolher entre quatro cenários, que representam as áreas da cidade: Zona Sul, Zona Norte, Centro e Região Oceânica.

O mascote do game é um estudante da rede municipal de ensino, que no caminho para escola se depara com diversas situações. O EducaClin leva o jogador a distinguir, por exemplo, em qual recipiente cada tipo de resíduo deve ser descartado.

O jogo também estimula o consumo consciente de diversos materiais muito usados diariamente, como copos plásticos, latas de alumínio, sacolas de mercado etc. A pontuação é enviada para um placar geral onde fica registrado o nome do jogador recordista. O game, desenvolvido pela CM & Realidade Visual, em parceria com a Clin, é gratuito e foi projetado para uso em dispositivos móveis, nas plataformas Android e iOS.

Durante o lançamento, as crianças participaram de uma palestra do programa Clin Curumim, que atende escolas da rede municipal e privada de ensino, abordando temas como meio ambiente, tipos de resíduos, coleta seletiva e reciclagem. Após a palestra e apresentação do game, os alunos puderam testar o aplicativo.

“O game reúne tecnologia e consciência ambiental. Ele será usado nas palestras que realizamos no projeto Clin Curumim, mas também está disponível para toda a população. Acredito que esta seja uma forma bastante interessante de prendermos a atenção das crianças com uma ferramenta como essa abordando temas importantes como a coleta seletiva”, afirma o presidente da Clin, Luiz Carlos Fróes Garcia.

A Secretária de Educação de Niterói, Flavia Monteiro de Barros explica como o game pode auxiliar no desenvolvimento de hábitos sustentáveis nos alunos da rede. “O jogo apresenta para as crianças, conceitos e práticas sustentáveis que colaboram com a conscientização dos alunos acerca dos problemas ambientais e da necessidade de trabalhar conservando a natureza’’, afirma.

O presidente da Fundação Municipal de Educação (FME), Bruno Ribeiro, ressalta que o entretenimento do jogo colabora para atrair os estudantes a cuidar do meio ambiente. “É muito relevante quando se pode aprender brincando, este game pode conscientizar e, acima de tudo, educar sobre questões como descarte do lixo sem agredir o meio ambiente”, diz.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *