CIDADE: Túnel Charitas-Cafubá recebe cerca de 20 mil veículos nas primeiras 24 horas após abertura das galerias

CIDADE – Aproximadamente 20 mil carros passaram pelo túnel Charitas-Cafubá nas primeiras 24 horas após a abertura das galerias ao tráfego de veículos, no último dia 6. Durante todo o fim de semana foi grande o movimento de carros, bicicletas e ônibus nas galerias. A obra da Prefeitura de Niterói, que era esperada pelos niteroienses há mais de 70 anos, despertou a curiosidade de moradores da cidade, que fizeram questão de conhecer de perto o túnel.

Com a abertura das galerias, a NitTrans montou um esquema especial com a presença de 33 agentes no trecho entre o DPO do Cafubá e a nova rótula de Charitas, incluindo o Centro de Controle Operacional (CCO) do túnel, para ordenar o trânsito e orientar motoristas e ciclistas. Cada galeria conta com uma ciclovia e a Nittrans reforça que os ciclistas devem usar a pista exclusiva trafegando no mesmo sentido dos carros. A NitTrans lembra, ainda, que não é permitido atravessar o túnel a pé.

Wania Santos Miranda, que comanda um restaurante na Fazendinha, afirma que desde o último sábado, com a abertura do túnel, registrou aumento de 50% no movimento de clientes. “Atendemos, em média, 300 pessoas no sábado, 350 no domingo e 800 durante a semana. Nossa expectativa é de um crescimento até três vezes maior no número de clientes a partir de agora. Para isso, já estamos providenciando a contratação de mais funcionários para atender a esta demanda”, conta.

Primeiro dia útil

A operação da NitTrans no primeiro dia útil de funcionamento do túnel Charitas-Cafubá contou com 33 agentes em pontos estratégicos da Região Oceânica e da Zona Sul. Após avaliar o impacto da nova alternativa viária no fluxo de veículos, os técnicos estão fazendo ajustes para melhorar a fluidez do trânsito na orla de Charitas e São Francisco.

Nesta segunda-feira, em que os motoristas começaram a se adaptar ao novo itinerário, retenções no início da manhã na Ponte Rio-Niterói e um engavetamento na esquina das ruas Miguel de Frias e Marquês do Paraná, sentido Icaraí, também provocaram impacto no fluxo sentido Centro. Vale ressaltar que às 9h30min o trânsito na orla de Charitas já estava normalizado.

De acordo com o secretário municipal de Urbanismo, Renato Barandier, a partir deste primeiro dia útil de funcionamento do túnel, estão sendo feitos alguns ajustes para dar maior fluidez ao trânsito na região de São Francisco e Charitas. “As primeiras duas semanas de acomodação do trânsito são para os motoristas se adaptarem com os novos percursos. Também vamos fazer ajustes de programação semafórica em alguns pontos estratégicos deste eixo de ligação do túnel ate o Centro da cidade”, explica.

Apesar de ter resultados positivos no trânsito ao desafogar pontos tradicionalmente críticos como o Largo da Batalha e a Avenida Presidente Roosevelt, a abertura do túnel Charitas-Cafubá encurta distâncias mas ainda não resolve o problema do grande fluxo de veículos em direção ao Centro de Niterói e à Ponte. Neste sentido, a aposta da Prefeitura de Niterói está em qualificar o transporte coletivo, com ações como a implantação do BHS, que se dará com a inauguração total da TransOceânica no primeiro trimestre de 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *