POLÍTICA: Em meio a crise do Estado, Pezão cria secretaria e nomeia Solange Almeida, ré na Lava Jato e aliada de Eduardo Cunha

anuncienew2

POLÍTICA – Em meio a crise que o Estado se encontra, o Governador do Rio, Luiz Fernando Pezão(PMDB), criou uma nova secretaria e nomeou Solange Almeida (PMDB) como chefe da pasta. Trata-se da pasta de Apoio à Mulher e ao Idoso no Rio, Solange é ré na Operação Lava Jato e fiel aliada do ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha(PMDB), hoje preso.

Ex-deputada federal e ex-prefeita de Rio Bonito(RJ), Solange foi denunciada pelo Ministério Público Federal(MPF), que também apresentou denuncia contra Eduardo Cunha. Cunha foi denunciado sob a acusação de receber US$ 5 milhões para viabilizar a contratação de dois navios-sonda para a Petrobras, cuja fornecedora era a Samsung Heavy Industries Co. A empresa, segundo o MPF, parou de pagar comissões ao operador Júlio Camargo ao fim do contrato e, então, Solange Almeida fez requerimentos na Câmara Federal pedindo investigações sobre Camargo e a Samsung.

A Procuradoria Geral da República (PGR) diz que o texto assinado por ela tinha autoria “material e intelectual” de Cunha e foi feito para fazer pressão por novos pagamentos de propina.

A denúncia contra Solange e Eduardo Cunha foi realizada pelo procurador-geral da República Rodrigo Janot, em agosto de 2015. Em março de 2016, o STF decidiu torná-los réus. Atualmente, o caso está no Tribunal Regional Federal da 2ª Região

Pezão

Em entrevista ao RJ TV(REDE GLOBO) de ontem Pezão afirma “Enquanto não for condenada ela pode me ajudar muito na administração!”

Foto: Clarice Castro / Divulgação / Governo do Estado do RJ

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *