TURISMO: UFF e Universidade de Aveiro convidam para o Seminário Internacional de turismo militar

anuncienew2

TURISMO – A evolução das estratégias militares, atreladas a produção e utilização de novas tecnologias de defesa, tem contribuído para uma importante reflexão referente a otimização e utilização de áreas militares, localizadas em regiões de alta valorização e relevância urbana em diversas cidades em todo o mundo. O turismo tem se estabelecido como uma relevante opção, capaz de otimizar o uso destes ativos, no sentido da valorização patrimonial, histórica e cultural, contribuindo para sua preservação e manutenção, em função de em muitas ocasiões tornarem-se onerosos aos cofres públicos.

Estudiosos do assunto costumam estabelecer uma relação com antigos centros industriais e zonas portuárias, que inseridos nos centros urbanos no final do sec. XIX e primeira metade do sec. XX, em regiões de grande valorização e densidade demográfica, já não cumprem com suas funções básicas. Busca-se neste contexto, uma arrumação urbana coerente com os interesses dos países, das cidades, dos destinos turísticos, relacionados a capacidade de valoração do patrimônio envolvido, assim como na geração de emprego e renda das comunidades.

O Brasil, como tantos outros países, possui um rico patrimônio militar, alguns já turistificados com sucesso, como o Forte Copacabana, na cidade do Rio de Janeiro. Possivelmente o de maior volume de visitação em todo o país, cerca de 640 mil no ano de 2016.

O SEMINÁRIO INTERNACIONAL DE TURISMO MILITAR, a ser realizado no dia 17/3/2017, às 09h no Auditório do Forte Copacabana, na cidade do RJ, é uma coprodução, envolvendo o Núcleo de Projetos da Faculdade de Turismo e Hotelaria da Universidade Federal Fluminense e o Departamento de Economia, Gestão e Engenharia Industrial da Universidade de Aveiro de Portugal, contando ainda com o apoio oficial da Diretoria do Patrimônio Histórico e Cultural do Exército Brasileiro.

O evento apresenta como um dos objetivos contribuir para o entendimento e fortalecimento da temática no Brasil e em Portugal, sua relevância no contexto da turistificação de ativos material e imaterial relacionado ao patrimônio militar em diferentes destinos. Em face da riqueza natural, histórica e patrimonial existente, necessário se faz a utilização das mais modernas técnicas relacionadas ao planejamento e estruturação de produtos turísticos, análise de potencialidades, adequação, capacidade de carga, marketing, prestação de serviços e outras.

Segundo o Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Gestão de Serviços da FTH-UFF e do Seminário Turismo Militar, Professor Carlos Lidizia, o evento deverá contribuir para o fortalecimento e institucionalização do turismo militar assim como sua necessária profissionalização. Na opinião do Prof. Eduardo Vilela do Núcleo de Projetos da FTH-UFF, o fato de incluir duas grandes Universidades, a Federal Fluminense e a Universidade de Aveiro, de Portugal, ambas com expertise em projetos de gestão, prestação de serviços e turistificação de destinos poderá colaborar na estruturação, planejamento e operação de novos projetos para o segmento do turismo.

No decorrer do evento, ocorrerá a premiação do Concurso de Ideias para o Turismo Militar lançado no final do ano de 2016 em universidades no Brasil e em Portugal, intitulado: Mentes Brilhantes para o Turismo Militar.

 Convite---Seminário-Interna

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *