CIDADE: Portais de segurança, Vice-prefeito acompanha teste de sistema que vai ler placas de carro na Ponte

0001

anuncie

CIDADE – O vice-prefeito de Niterói, Axel Grael, acompanhou na tarde desta quinta-feira (29/9) uma simulação de como vai funcionar o sistema de portais de segurança que foi instalado na Ponte Rio-Niterói e que será implantado também em outras seis entradas/saídas da cidade com objetivo de ler placas de carros que constam como roubados ou furtados.

Foi feita uma demonstração de identificação de um veículo supostamente roubado e acionado imediatamente o alarme sonoro do Cisp (Centro Integrado de Segurança Pública) como também uma viatura policial para fazer abordagem.
Ao todo, saõ 12 câmeras na Ponte Rio-Niterói, sendo quatro no sentido Rio e oito em direção a Niterói. Elas já estão funcionando e lendo as placas, faltando apenas a integração com o banco de dados da Polícia Civil em que constam os veículos roubados e furtados, o que está em andamento.
Os demais portais de segurança serão instalados na Rua Doutor March, no Barreto, na Estrada Caetano Monteiro, em Maria Paula, na RJ-106, em Várzea das Moças, na estrada que liga Itaipu a Itaipuaçu e na Avenida Professor João Brasil, em Venda da Cruz, na Alameda São Boaventura, no Fonseca, vias que fazem divisa com outros municípios.
Axel Grael afirmou que a tecnologia vai contribuir para inibir a prática de crimes em Niterói:
“Identificar com eficiência a presença de carros suspeitos e permitir a resposta rápida de comunicação por parte das autoridades policiais na abordagem vai ajudar a coibir práticas criminosas na cidade. O bandido não quer correr risco e, na hora que você passa a contar com uma tecnologia como essa, ele se torna mais vulnerável, isso inibe a ação dele. O mais importante no combate ao crime é a punibilidade, é prender o sujeito e fazer com que ele responda na Justiça pelo que ele cometeu”, disse.
O secretário municipal de Ordem Pública, coronel Gílson Chagas, explicou o andamento da implantação do sistema.
“Estamos com as câmeras instaladas, o sistema já faz a leitura de placas e estamos na fase da integração dos dados de veículos roubados e furtados com a Polícia Civil e o Cisp. Dentro em breve, quando qualquer carro que esteja na condição de roubado ou furtado e venha a passar na Ponte, vai ser soado o alarme do Cisp, e nós vamos direcionar o alerta para a PM ou para a Polícia Rodoviária Federal”, declarou.
Foto: Alexandre Vieira
banner01

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *