SPIVI transforma spinning em pedalada ao ar livre

Uma experiência com bicicleta ergométrica muito mais segura, dinâmica e divertida: essa é a tecnologia SPIVI desenvolvida por uma empresa israelense que leva o mesmo nome, e que está na grade do Complexo Tio Sam Camboinhas.

Divulgação

“Com a SPIVI, a experiencia da aula de spinning se transforma em muito mais que apenas pedalar. Os alunos se sentem, de fato, fazendo um esporte ao ar livre, com todas as dificuldades que uma pista irregular pode oferecer”, comenta Loany Santos, professora da Tio Sam. E complementa: “O programa funciona via Bluetooth e é ligado a cada bicicleta. A partir de sensores, as informações do aluno vão para o computador, que passa as imagens do avatar de cada um na TV da sala de aula. Para os alunos, uma forma única de realizar os exercícios, uma vez que dentro da academia são praticados de forma indoor. Para nós, professores, uma forma de acompanhar de forma bastante pessoal o desenvolvimento de cada um, uma vez que conseguimos ver, individualmente, a rotação e a frequência cardíaca dos alunos”.

Além do controle preciso sobre cada aluno, a tecnologia permite ao professor, inclusive, definir metas de velocidade e carga e peso da pedalada, o que vai acabar definindo a programação das aulas.

Durante a aula na Tio Sam, duas TVs de 55 polegadas transmitem para os alunos as informações e os cenários escolhidos pela professora, que pode ser desde um pedalar na praia até enfrentar uma serra. O SPIVI também gera feedbacks de performance imediatos de cada aluno, além de informações pessoais de treinamento como frequência cardíaca, potência e potência relativa ao FTP, velocidade, distância, energia e calorias queimadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *