Niterói Presente tem contrato renovado por mais um ano

A Prefeitura de Niterói informou na tarde desta sexta-feira (04) que renovou o contrato do programa Niterói Presente por mais um ano. O programa, que é custeado pela Prefeitura, com um investimento anual de R$ 25 milhões, completou um ano no último dia 15 de dezembro e disponibiliza diariamente o reforço de 300 homens nas ruas de Icaraí, Santa Rosa, Centro e Fonseca (Alameda São Boaventura), liberando o efetivo do 12º BPM para atuar em outras regiões da cidade.

O secretário Executivo do Gabinete de Gestão Integrada Municipal, coronel Paulo Henrique Moraes, responsável pelo convênio do Niterói Presente entre a prefeitura com o governo do estado, disse que os objetivos do programa foram alcançados o que justificou a renovação. “Quando iniciamos um projeto, buscamos mudanças positivas. Resultados que justifiquem todo o trabalho e os recursos dispendidos. Após um ano do início da Operação Niterói Presente, todo o retorno que projetamos se materializou”, afirmou.

Segundo o secretário, o sucesso das operações do Niterói Presente resultou em uma série de solicitações da sociedade civil para sua expansão para outras regiões da cidade. “O “feedback” da população é o melhor possível, a ponto de gerar inúmeras solicitações para a ampliação do Programa. Mas, nada disso teria acontecido sem a dedicação dos profissionais que estão no cotidiano da operação, sem a participação do povo niteroiense”, disse o coronel Paulo Henrique Moraes.

Segundo os dados divulgados em um ano de atuação, os agentes prenderam mais de 160 criminosos com mandado de prisão expedido pela Justiça. No período, mais de cem pessoas também foram presas em flagrante nas ruas da cidade por crimes que vão de roubo e furto a porte ilegal de arma de fogo. Entre as mais de 400 ocorrências registradas, destacam-se ainda posse/uso de material entorpecente e recuperação de carros roubados.

Os integrantes do Niterói Presente patrulham as ruas dos bairros onde atuam em grupos de três agentes a pé, de carro ou em motos.

Foto: Bruno Eduardo Alves

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *